sábado, 4 de agosto de 2012

2 Te esperando no Pitacos de Lua

Legal você ainda passar por aqui, mas para o caso de você ter reparado que o blog está sem atualização há tempos, aqui vão algumas informações: Sim, eu mudei de blog de novo ,mas dessa vez acredito que é definitivo! Tenho postado com frequência e estou cheia de novidades para implantar no novo blog, o Pitacos de Lua  - afinal, não tem coisa que eu faça mais que dar pitacos no que eu vejo/leio/ouço (tá, talvez comer...).


Você que quer continuar acompanhando o que escrevo, ou conhecer meu jeito de ver as coisas, passa lá no Pitacos de Lua. Tem sempre um texto, imagem ou vídeo para você poder dar seus pitacos também.

Obrigada as pessoas que participaram do Não Tô Boa e aos que fizeram a gentileza de segui-lo. Se vocês se animarem a ir conhecer e seguir o Pitacos vão fazer uma blogueira feliz :)


Vou ficar te esperando por lá. Só não demore muito para aparecer que eu costumo comer enquanto espero o tempo passar...


*******

segunda-feira, 12 de março de 2012

9 Ô Gorda, toma vergonha e se veste direito!

Que tal gastar um tempinho na hora de se vestir e dar uma olhada crítica no espelho antes de sair pra rua? Porque a mulherada compra tanta roupa, mas é só reparar nas ruas pra notar que roupa, pra muitas, é só pano de vestir. Cadê bom senso? (Nem vou dizer bom gosto que gosto costuma ser escolha pessoal... Inclusive a falta dele). 



Ah, tá... Só está varrendo a calçada. Ok. Mas só pra constar: vão te ver do mesmo jeito. Inclusive o seu ex- futuro grande amor pode estar passando na rua justamente quando você está ali, toda desleixada...

Tem aquelas que dizem que nem ligam se ficam ridículas engraçadas visualmente não tão jeitosas com as roupas que compraram, mas ...Ah, vá... 99% das vezes é falta de bom senso mesmo e preguiça falta de noção de como combinar o que com o que porque duvido que alguma mulher não vá ficar feliz de receber um elogio por estar vestida de um jeito que a deixe harmoniosa com a relação entre a largura dos quadris e sua altura. Sim, se você é gorda, vai continuar gorda. Quem não gosta de gorda, vai continuar não gostando de você. Se você se magoa com isso, só emagrecendo. O post aqui só fala de como você pode se apresentar nos lugares sem parecer ridícula ou desajeitada. Porque parecer gorda é inevitável. Não dá pra 'esconder' isso dos outros sob as roupas. E não vejo problema nisso. Mas ficar exibindo as banhas quando não está na praia ou espremê-las num tamanho de roupa menor, não é bonito não!

 E essas moças aí são jovens, bonitas... Mas esse visual, não dá gente. É feio. É desleixado.


Então que tal pensar um pouquinho no que pode ficar um pouco melhor no seu corpo antes de ir pra rua? Tem mulher que acha que é feia, que tá uma vaca e que qualquer coisa deixa ela parecendo uma bujão com capa, nesse caso, se trate. Porque gorda é só uma mulher com quilos a mais do que as consideradas magras. E ambas ficam muito melhores quando se vestem com um pouco de cuidado e atenção. Nem preciso dizer que tem mulher magra que, valha-me Deus! Mas isso é outro post :)



As imagens acima são de um vídeo apresentado no Mais Você onde a consultora de moda Juliana Burlamaqui dá dicas de como, com a roupa e os acessórios certos,dá pra ficar mais elegante e, inclusive, parecer uns quilos mais magras ou, como eu prefiro dizer, acomodar de maneira mais harmoniosa os quilos dentro dos tecidos. Quando puder, assista. E mesmo se não assistir, gaste um tempinho a mais escolhendo o que vai vestir... E olhando o resultado disso no espelho antes de sair de casa. Vai te fazer um bem danado. E encantar alguns olhos. E isso todas nós gostamos.

P.s.: o blog mudou de endereço. Você continua me acompanhando no Pitacos de Lua



**********

segunda-feira, 5 de março de 2012

9 Ver Renata como puta não devia ser motivo para votar nela

Da internet ao bar do meu pai tem uma turma imensa achando que a Renata tem que sair do BBB12 porque ela está tendo um comportamento vulgar, isso sendo educada, porque o povo anda chamando mesmo é de piranha, puta, vagabunda...



Os homens, de maneira geral, até curtem um 'estilo Renatinha de ser', até porque acham que vai ser fácil pegar, mas que fique claro: a maioria acha mesmo que mulher assim eles até levam pra cama, mas dificilmente pra casa... 

E nem preciso dizer que quem pega mais pesado nessa sentença sobre o comportamento  da Renata  são as mulheres. E não creio que é porque sentem que a Renata está esculachando a imagem feminina (ah, gente, e para com isso de dizer 'claro que é ciume dessa mulherada mal comida'). É que mulher é bicho estranho mesmo. Vive dizendo que mulher tem os mesmos direitos dos homens, mas quando vê mulher se comportando igual, dá-lhe julgamento moral. Mais engraçado ainda é que tem muita, mais muita mulher que em nome da tal liberdade e dos tais 'direitos iguais', trás pra vida dela os hábitos e comportamento que vive criticando nos homens. Será o tal 'se não pode vencê-los, junte-se a eles"? 

Então... Eu, como sou bobinha, confesso que acho que esse tipo de comportamento nem tem relação com liberdade e direito iguais. Luta por liberdade (imagino eu) tinha a ver mais com poder sair de casa para arrumar emprego ou viajar sem ter que ter uma autorização de pai ou marido pra isso.  Aliás, ter liberdade de escolher o marido, né? E direitos iguais devia ser algo como poder votar, como os homens votavam, tirar habilitação, como os homens tiravam, se candidatar a um emprego antes só considerado como 'trabalho de homem' (o que, antes dos tais direitos iguais, se resumia a  ser professorinha, empregada doméstica ou meretriz).

Tirar a Renata do programa só porque ela ficou com três homens na casa, não devia ser motivo pra votar nela. Não se você vota porque vê nisso um comportamento de puta. E analisa: Renata é solteira. Renata ficou com três homens, mas cada um de uma vez (puta fica com mais de três numa noite). E Renata só trocou de parceiro quando ele saiu (que foi o caso do Ronaldo e do Rafa) ou quando ele dava uns beijos de noite e dava o fora nela de dia (caso do Jonas). E Renata, embora possa parecer se você não prestou atenção no programa, não é exatamente uma moça fácil. Porque ninguém pegou a Renata. Os três com quem ela ficou, foi ela que olhou, gostou e pegou. 


Mas fato é que Renata é pegadora, mas não uma pegadora pelo simples motivo que beijar é bom e uma pegação relaxa e faz bem pra pele e pro humor. Porque ela 'pega' e depois vai ficando com aquele comportamento de namoradinha... Ou seja: apesar de ter um comportamento considerado masculino na hora da conquista, Renatinha têm um comportamento tão 'mulherzinha' no dia a dia do relacionamento :)


Ok... eu posso estar errada. Eu quase não vejo o programa. De repente você tem uma visão melhor do comportamento da Renata no BBB... Pode dizer...

Você visualizar o post é legal, você ler é maravilhoso, mas se você comentar vai acrescentar a sua opinião o que vai ser incrível!!! 

****

sexta-feira, 2 de março de 2012

0 O negro que não era negro e a mão que não era boba

Então... Confesso que eu fiquei meio decepcionada com a foto abaixo:

via site moda gnt

Eu vi enquanto estava zapeando por uns site, sabe como é: madrugada, o sono pegando, o corpo fugindo da cama... Pois é, parece que a tal imagem não era mesmo o que eu pensei que era ao olhar com  meus olhinhos sonolentos que me fizeram a imaginar se tratar de um rapaz negro e uma mão feminina branco entrando no bolso dele... 
Mas nada a ver...
A matéria falava em 'possibilidade de racismo' tendo a foto sido manipulado no photoshop o que acabou deixando a modelo negra, com o braço branco...

Mas lendo os comentários, mais um nada a ver...
Pelo que li lá, a modelo deve ser branca e, o corpo negro, não é um corpo negro e sim um corpo vestindo uma segunda pele, que no caso não é da cor da pele da modelo, mas negra. Entendeu?

Eu confesso que preferia a minha versão... Era mais 'sexy'. Fazer o que...


***********

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

3 Com tanta magra, dá para ser uma gorda elegante no Oscar?

Tanto blog falando do visual das mulheres no Oscar que eu fiquei com inveja vontade e vou comentar... Mas só um pouquinho. Primeiro sobre a roupa de duas gordas fofas que desfilaram pelo tapete vermelho:

Melissa Mccarthy


Octavia Spencer


Ah, não tem nem o que pensar: o prêmio vai para que trouxe dignidade as mulheres acima do peso: 

Octavia Spencer  


Ela merece, estava maravilhosa. Já o visual da Melissa, eu, como pessoa obesa fofa, só posso achar que o costureiro odeia fazer roupa para gorda. Deve ser um indireta para que ela, ao ver as fotos, faça um regime.

E vai aqui uma observação: Por que (tirando o 'porque eu não quis') nem o blog da Só Para Meninas nem o blog Amiga, tou bonita? falou do visual de Esperanza Spalding?  porque a moça é negra ficaram com medo de serem  chamadas de racistas? Ah, isso é discriminação, viu meninas? O visual dela merecia uma observação de vocês...


Cadê glamour? Cadê uma joia nesse pescoço ou um par de brincos (que apareça) nessas orelhas?  Sinceridade? Ela ficou com aparência de quem estava na festa porque alguém a encontrou olhando o tapete vermelho e foi bonzinho ao fazer o favor de convidá-la. Não pode! Se estava no tapete tinha que se impor, marcar presença!
E eu sou totalmente a favor de manter cachos ou cabelo afro... Mas esse me lembrou esse produto japonês:

imagem via Clic+


Ok... tudo bem que eu não entendo de moda mesmo... 

****************
As imagens acima são do site oficial do Oscar

***

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

5 Racismo impediu vitória de Carlinhos Brown no Oscar

Infelizmente não deu para o Brasil no Oscar. O país concorria na categoria "Canção original' com a música "Real in Rio", do desenho "Rio" e disputou o prêmio com a canção "Man or Muppet", de "Os Muppets"... 

Então...

Eu já tinha comentado no twitter que amei o desenho, mas que não curti muito a trilha sonora. Sei lá, creio que foi a sensação de que o samba ali era feito para 'gringo ouvir', o que não quer dizer que a música não é boa. E evidentemente, assim como quase todo brasileiro, torci para a canção "Real in Rio" levar o Oscar. Mas no fim a academia acabou premiando 'o mesmo do mesmo'. Não é difícil reconhecer o estilo da música "Man or Muppet" em outras produções que chegaram a premiação (na minha opinião) os membros da academia perderam a oportunidade de premiar algo novo na trilha sonora da festa...

Agora, já que estamos falando de cinema e cinema é imaginação, vamos imaginar que houve outro motivo para a canção de Carlinhos Brown não ganhar o Oscar? Você viu a premiação de melhor filme? O vencedor foi "O Artista".... Você reparou que o cachorrinho do filme estava ali, no palco, na hora da premiação?



Pois é, é como eu disse no twitter:  


Foi só uma brincadeira, claro. Mimimi de perdedora :)

E se você ainda não conhece a música "Real in Rio" (que é de autoria de Sergio Mendes e Carlinhos Brown, com letra em inglês de Siedah Garrettou) pode alugar o dvd do desenho Rio (recomendo) ou pode ouvir no youtube  

**************

sábado, 25 de fevereiro de 2012

1 E o horário de verão voltou pro quinto dos infernos

Sim, deve ter gente que ficou triste com o fim do horário de verão, me desculpem, mas... vocês estão malucos, é??????

 cartun via Nani Humor

Ok... É questão de gosto, eu sei. E de como o horário de verão facilitava a sua vida ou infernizava a minha!

Mas acabou. Finalmente terminou. Uhuuuuuuuu..... o maldito horário de verão voltou pro inferno de onde nunca devia ter saído!!!

Pronto, agora que eu desabafei, acalmei :) 

E confesso que, só de ouvir na TV o aviso  de 'terminou o horário, atrase o seu relógio em uma hora' eu me emocionei. Sim, depois de um longo tempo esse domingo vai ser um domingo com o ritmo que ele deve ter; com seus minutos se encaixando no tempo que cada coisa têm e não no adiantar do relógio, entende? É, talvez não... Acho que esse horário de verão que passou me surtou um pouco. Mas minha alma tá assim, no ritmo desse vídeo com a Ana Carolina e Celso Fonseca cantando um antigo sucesso de Tim Maia:




Agora eu tô calminha, calminha... Porque se você leu o meu post sobre o início do horário de verão você sabe que eu não tô boa desde o começo dele. Mas passou :)


****************